BLOG DO LÍNGUA
 
 
Página Inicial
Apresentação
Discografia
Trajetória
Disk-Língua
Família Trapo
Vídeos
Rádio Matraca
Agenda
Cont(r)atos
Cadastro


Blog
Fotoblog

Busca no Blog
 

Indique este blog
Dê uma nota

Links
Língua de Trapo
Fotoblog do Língua
Castelorama
Privadas do Mundo
Mini Blog do Big Mug
Nunca se Sábado
Rádio Matraca
Dadá Coelho
Blog do Pituco
Música & Letras
Blog genérico
Miss Grace Black
Blog do Castilho
Folha de Cima
Guca
Peças Raras
Stockadas
Cifras de músicas do Língua de Trapo
Língua de Trapo no Palco MP3
Radioriatoa - pituco
PENSAMENTOS DIVERGENTES - Ruy Fernando Barboza
A Hora do CLICK
Ana de Amsterdam

Arquivos
16/07/2011 a 31/07/2011
01/05/2011 a 15/05/2011
01/03/2011 a 15/03/2011
01/02/2011 a 15/02/2011
16/01/2011 a 31/01/2011
16/12/2010 a 31/12/2010
01/12/2010 a 15/12/2010
16/11/2010 a 30/11/2010
01/11/2010 a 15/11/2010
16/10/2010 a 31/10/2010
01/10/2010 a 15/10/2010
16/09/2010 a 30/09/2010
01/09/2010 a 15/09/2010
16/08/2010 a 31/08/2010
01/08/2010 a 15/08/2010
16/07/2010 a 31/07/2010
16/06/2010 a 30/06/2010
01/06/2010 a 15/06/2010
16/05/2010 a 31/05/2010
01/05/2010 a 15/05/2010
16/04/2010 a 30/04/2010
01/04/2010 a 15/04/2010
16/03/2010 a 31/03/2010
01/03/2010 a 15/03/2010
16/02/2010 a 28/02/2010
01/02/2010 a 15/02/2010
16/01/2010 a 31/01/2010
01/01/2010 a 15/01/2010
16/12/2009 a 31/12/2009
01/12/2009 a 15/12/2009
16/11/2009 a 30/11/2009
01/11/2009 a 15/11/2009
16/10/2009 a 31/10/2009
01/10/2009 a 15/10/2009
16/09/2009 a 30/09/2009
01/09/2009 a 15/09/2009
16/08/2009 a 31/08/2009
01/08/2009 a 15/08/2009
16/07/2009 a 31/07/2009
01/07/2009 a 15/07/2009
16/06/2009 a 30/06/2009
01/06/2009 a 15/06/2009
16/05/2009 a 31/05/2009
01/05/2009 a 15/05/2009
16/04/2009 a 30/04/2009
01/04/2009 a 15/04/2009
16/03/2009 a 31/03/2009
01/03/2009 a 15/03/2009
16/02/2009 a 28/02/2009
01/02/2009 a 15/02/2009
16/01/2009 a 31/01/2009
01/01/2009 a 15/01/2009
16/12/2008 a 31/12/2008
01/12/2008 a 15/12/2008
16/11/2008 a 30/11/2008
01/11/2008 a 15/11/2008
16/10/2008 a 31/10/2008
01/10/2008 a 15/10/2008
16/09/2008 a 30/09/2008
01/09/2008 a 15/09/2008
16/08/2008 a 31/08/2008
01/08/2008 a 15/08/2008
16/07/2008 a 31/07/2008
01/07/2008 a 15/07/2008
16/06/2008 a 30/06/2008
01/06/2008 a 15/06/2008
16/05/2008 a 31/05/2008
01/05/2008 a 15/05/2008
16/04/2008 a 30/04/2008
01/04/2008 a 15/04/2008
16/03/2008 a 31/03/2008
01/03/2008 a 15/03/2008
16/02/2008 a 29/02/2008
01/02/2008 a 15/02/2008
16/01/2008 a 31/01/2008
01/01/2008 a 15/01/2008
16/12/2007 a 31/12/2007
01/12/2007 a 15/12/2007
16/11/2007 a 30/11/2007
01/11/2007 a 15/11/2007
16/10/2007 a 31/10/2007
01/10/2007 a 15/10/2007
16/09/2007 a 30/09/2007
01/09/2007 a 15/09/2007
16/08/2007 a 31/08/2007
01/08/2007 a 15/08/2007
16/07/2007 a 31/07/2007
01/07/2007 a 15/07/2007
16/06/2007 a 30/06/2007
01/06/2007 a 15/06/2007
16/05/2007 a 31/05/2007
01/05/2007 a 15/05/2007
16/04/2007 a 30/04/2007
01/04/2007 a 15/04/2007
16/03/2007 a 31/03/2007
01/03/2007 a 15/03/2007
16/02/2007 a 28/02/2007
01/02/2007 a 15/02/2007
16/01/2007 a 31/01/2007
01/01/2007 a 15/01/2007
16/12/2006 a 31/12/2006
01/12/2006 a 15/12/2006
16/11/2006 a 30/11/2006
01/11/2006 a 15/11/2006
16/10/2006 a 31/10/2006
01/10/2006 a 15/10/2006
16/09/2006 a 30/09/2006
01/09/2006 a 15/09/2006
16/08/2006 a 31/08/2006
01/08/2006 a 15/08/2006
16/07/2006 a 31/07/2006
01/07/2006 a 15/07/2006
16/06/2006 a 30/06/2006
01/06/2006 a 15/06/2006
16/05/2006 a 31/05/2006
01/05/2006 a 15/05/2006
16/04/2006 a 30/04/2006
01/04/2006 a 15/04/2006
16/03/2006 a 31/03/2006
01/03/2006 a 15/03/2006
16/02/2006 a 28/02/2006
01/02/2006 a 15/02/2006
16/01/2006 a 31/01/2006


XML/RSS Feed
O que é isto?

leia este blog
no seu celular




UOL Blog





layout do blog
produzido por REC
 

Humor in sampa...

tomzetiando ou premeditando a língua

amamou-se ou adorinaram-se em mulheres negras tubaínadas e o escambau...

tudo vira sarro

tudo vira de se rir

Jumbo Elektro in Bossa Japa Nova

e o que mais virá ou irá virar?

namaste



Escrito por Pituco às 15h50
[] [envie esta mensagem
]



Quem é ele, maestro? VII

integrante do conjunto vocal, "Os garotos da lua".

primeira gravação, data de 1951

1-'Quando você recordar' (Valter Souza/Milton Silva)

2-'Amar é bom' (Zé Kéti/Jorge Abdalla)

*clique no título das músicas e participe

abraçsonoros

namaste



Escrito por Pituco às 11h17
[] [envie esta mensagem
]



Encontros casuais...

1 - fui apresentado,hoje,em minha 'gig',ao Nemo Antunes,contrabaixista brasiliense,que acompanha o compositor,Ivan Lins,no Blue Note Tokyo.

apesar da música,o assunto foi,saborosamente,gastronômico e acabamos trocando receitas(vegetarianas,claro!).Ele ensinou-me uma torta de trigo e ricota.Eu,por outra,passei-lhe uma receita para fazer um bom 'bife de soja'.

já faz nove anos que Nemo aporta nessas plagas,colaborando na retaguarda de Ivan e Rosa Passos.

a temporada começa amanhã.Infelizmente,não poderei assistí-los.

2 - segue link de áudio extraído de uma coletânea de A.C.Jobim,lançado apenas no mercado japonês.

a última faixa, do cd 3, traz um momento inusitado,

os bastidores da gravação do antológico dueto,Elis e Tom,em Águas de março.

*Elis e Tom...clique aqui e ouça o que rolou.

abraçsonoros

namaste



Escrito por Pituco às 11h20
[] [envie esta mensagem
]



Na nossa, na sua, naminha cassebi

Nahame Menesselo Cassebi, vulgo Naminha, que integrou o LdT.

Na década de 90, trouxe as baquetas pra tocar e morar, nesse arquipélago dos dois pauzinhos.

Confira no vídeo de 1995, com João Donato e Lisa Ono.

namaste



Escrito por Pituco às 15h26
[] [envie esta mensagem
]



Língua de Trapo ao vivo???

Existe mais de um Lingua de Trapo? Confiram no vídeo!!

Escrito por Lizoel às 10h46
[] [envie esta mensagem
]



Qual é a música, maestro? VI

continua a disputa entre os genéricos do blog.

lembrem-se que, o prêmio é uma passagem, apenas de ida, para Tokyo.

para concorrer, basta clicar no link...

*clique aqui e participe

abraçsonoros e boa sorte

namaste



Escrito por Pituco às 13h14
[] [envie esta mensagem
]



O tempo e o relógio

Não sei exatamente em que ponto da minha vida esqueci as imagens de infância nessa velha nova Campo Grande. Foi tudo muito rápido. Aos 14, os 70 começando, a partida e deixo para trás um ciclo da vida e avanço através de um país perdido em vazantes de gente e sonhos.

Estou indo embora e, por trás da ingênua tolerância eu entardeço, sobretudo, pouco atento ao vento, soprando os monumentos da minha cidade. Obelisco, Fonte luminosa, o Relógio da 14. Ah! O relógio da 14. Onde foi parar o Relógio da 14? Está perdido em algum labirinto do tempo, como os seriados de televisão da minha infância? E que nem uma lágrima machuque a capa muito fina da lembrança que me corrói em lembrar de ti.

Vou e deixo-o a se desfazer, furtivamente, de minha memória de menino. O ícone da minha cidade, onde os homens discutiam os rumos das nossas vidas enquanto poetas do acaso construíam seus sonhos. Eu criança, olhando para seus ponteiros, ditando tempos e rotas de minha gente, tentava ganhar noções de translação e medir, pra meu governo, a cor do sol.

Velho relógio, subterfúgio de todo tipo de alma que habitava essa cidade, pequena cidade de homens crus e empertigados em busca de dimensionar dias e noites em gestos largos de procuras. Por muitos anos Campo Grande ficou ausente de minha memória e de minha rota de vida, mas voltei. Nesse retorno, muita coisa da infância se foi com o tempo e não me feriu a alma tanto quanto a falta do Relógio da 14.

Foi como se a partida nos idos de 70 deixasse-o a marcar os anos, meses, dias de meu regresso. Voltei e não encontrei mais seus ponteiros absolutos, senhor de estrelas e direções. Na soleira de sua torre a vida da antiga cidade passava num turbilhão de acontecimentos. Era essa mesma torre majestosa que nos olhava como se, em final da existência, avaliasse a única eternidade que nos é certa: continuarmos-nos em nossos filhos.

Pois é velho relógio, senhor do tempo, sucumbido à fúria dos homens sem memória, possivelmente jazendo em algum canto secreto da nova cidade que cresce e foge de seus ícones absolutos que ainda resistem: A fonte luminosa, o obelisco descaracterizado de sua originalidade, e os velhos prédios que se escondem na confusão absurda das imagens da modernidade.

Entristece os velhos corações saudosos da velha cidade a sua ausência, o seu porte, modulando a noite, refletindo os sóis dos dias. Vou envelhecendo meu saudoso relógio. Não sei até quando vou conseguir levar sua imagem, que é a imagem da minha vida, da minha história, dos acasos, das impossibilidades, e de não poder fugir, não poder fugir nunca a este destino de dinamitar rochas dentro do peito...

(Na secura e placidez de Brasília,minha cidade natal me volta através das palavras...)



Escrito por Lizoel às 10h10
[] [envie esta mensagem
]



Laert Sarrumor é um homem ou um rato??!!

 

 

Encontrados no You Tube quatro vídeos de 1987, época em o magrelo e narigudo escriba desse Blog emprestava a voz ao rato italiano Topo Gigio, nos programetes que iam ao ar pela Rede Bandeirantes.

 

O sujeito que contracena com o camundongo é o Ricardo Petraglia, que, além de ator, já foi vocalista da banda Joelho de Porco.

 

Confira aqui.

 



Escrito por A. Pest Theplague às 00h07
[] [envie esta mensagem
]



A nega tá podendo!

 

O que Grace Black está fazendo no vídeo da banda australiana Spiderbait, no cover da música Black Betty, do bluseiro Leadbelly???

 

Aliás, essa gravação faz parte da trilha de Miss Simpatia 2, mais precisamente na cena em que Sandra Bullock, na pele da agente do FBI Gracie Hart, entra em luta com a colega Sam Fuller.

 

Confira aqui.



Escrito por Laert Sarrumor às 16h06
[] [envie esta mensagem
]



Virado pra parede

Guca Domenico andou um tempo sumido desse BDL. A desculpa que ele deu foi que estava ocupado reformando sua mansão. Realmente, com a ajuda de amigos, o Solar Domênico foi reformado tal qual projeto de nosso bardo. Para comemorar o final das obras, Guca e amigos fizeram uma partida futebolística de confraternização. O sempre desatento Dagomir Alvoso estava lá e clicou o grupo tomando uma agradável ducha no banheiro da piscina do requintado domicílio. Como vocês podem conferir, Guca é o que está à esquerda virado pra parede, na sua posição preferida, esperando que algum dos amigos presentes tome dianteira e conclua sua ducha.



Escrito por Lizoel às 10h33
[] [envie esta mensagem
]



[ Ver arquivos anteriores ]